Wolmer vê fracasso no esporte de Americana

Depois de 23 anos dedicados diretamente ao esporte americanense, em especial ao basquete, infelizmente estou presenciando um momento muito triste para todos aqueles que sempre viveram, defenderam e tem uma história nessa paixão que se chama “ESPORTE”.
Já sonhei em ser um grande jogador, sonho ser um grande técnico e um grande dirigente, sempre buscando o melhor para nossa modalidade, como opção de lazer, entretenimento e sociabilização das nossas crianças. Mas está difícil, muito difícil! Não culpo ninguém, e não devemos julgar ninguém, mesmo por que dos 23 anos de esporte, essa é a primeira vez que passamos por uma crise dessa envergadura, mas o momento é péssimo! 
A situação política de Americana vem piorando a cada ano, reflexo do nosso país. As condições financeiras, tanto do órgão público, como das empresas privadas, estão cada vez mais escassas. E a solução, que poderia ser uma ótima opção, pelo menos aqui em Americana, seria nossos vereadores e deputados eleitos, agirem em prol do esporte, através de leis de incentivo fiscal do governo. Sabemos que existem muitos recursos financeiros no governo, para o esporte, mas existe uma legalidade que somente vereador ou deputado que poderiam agilizar. Mas infelizmente o que só vemos e lemos destes, são críticas, desavenças e brigas de poder.
Nós, técnicos, coordenadores, abnegados, apaixonados pelo esporte, somente temos força na busca incansável por verbas, pois as empresas que nos dão oportunidade, são pela amizade ou pela insistência dos mesmos. Não estou aqui reclamando, apenas lamentando e querendo entender o por que da situação chegar nesse ponto! 
Americana sempre foi referência no esporte amador, tanto nas escolinhas de iniciação, como nos trabalhos de base. Algumas modalidades conseguiram se sobressair, graças ao apoio financeiro que a prefeitura investiu, mas chegou num certo ponto que a situação se complicou e se fez necessário os cortes, mas por que os coordenadores, técnicos, abnegados, até então, não continuam na luta, na busca e no mesmo propósito de sempre? 
Fazer com que o esporte amador de Americana cresça, se desenvolva e continue oportunizando atividades físicas e sociais para as crianças, jovens e adolescentes. Não vamos ficar dependendo somente da prefeitura, pois é sabedor que o ESPORTE não é a prioridade dentro do poder público. Quando chega a crise, a primeira pasta que sofre corte é a do ESPORTE!
 Mas nós, profissionais da área de educação física, sabemos que para melhorar a saúde, não precisamos somente de médicos e remédios, precisamos de atividades físicas, educação e conhecimento do corpo, para aí sim, não ficarmos doente. Na educação, podemos orientar as crianças no seu desenvolvimento, convivendo em grupo e sabendo lidar com as várias classes sociais, já que o ESPORTE não há discriminação, nem exclusão. 
Na cultura, podemos sociabilizar nossas crianças, educando e ensinando a miscigenação das raças, por isso o grande material humano, em potencial, que temos em nosso país. Na melhor idade, temos o privilégio de poder trabalhar com pessoas que são exemplo de vida, que já viveram de tudo e o que puderam, e querem aproveitar até o último instante, através do bem estar e uma vida saudável. Esses com certeza são exemplos do que podemos ser no amanhã! Com tudo isso, se formos especificar todos os benefícios que o ESPORTE traz para a nossa sociedade, não haveria desculpa para deixar de investir nessa paixão chamada ESPORTE! 
Eu sou apenas um apaixonado pelo esporte e vivo dele a mais de 23 anos, por isso peço a todos aqueles que vivem o mesmo, que não desistam!Vamos lutar por algo que vale a pena! Eu tenho um filho de 4 anos e quero que ele tenha oportunidade de crescer e se desenvolver com ajuda do ESPORTE. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE