Whatsapp. 92% das imagens são fakes

Em meio a rumores sobre novo término do seu relacionamento com Neymar, Bruna Marquezine mostrou aos seus seguidores que aproveitou bastante seus dias em Fernando de Noronha ao lado dos amigos. Nesta quarta-feira (17) a atriz compartilhou uma foto sensual  em seu Instagram usando um biquíni preto com detalhes coloridos em meio a pedras e um belo pôr do sol.  
Bruna Marquezine mostrou que está curtindo bastante diversos destinos após o fim de “Deus Salve o Rei”. No post compartilhado, a global deixou a mostra suas curvas e sua bela forma física. Reconectando. “Recarregando. Reenergizando”, escreveu na legenda. 
Os fãs de Bruna adoraram a foro e elogiaram. “Como tu se sente sabendo que a maioria das mulheres brasileiras querem ser igual você? Você é parecida com a perfeição”, falou uma fã. “Que corpo é esse minha jovem?! Tu é linda demais!!!”, comentou outra. “Quando eu crescer, quero chegar perto da mulher que você se tornou. Mulherão!”, falou uma terceira.  Um levantamento realizado pelos professores Pablo Ortellado (USP), Fabrício Benvenuto (UFMG) e pela agência de checagem de fatos Lupa em 347 grupos de WhatsApp encontrou entre as imagens mais compartilhadas apenas 8% podendo ser classificadas como verdadeiras. O estudo buscou analisar o fenômeno da desinformação e das mensagens falsas em grupos na plataforma, que vem sendo apontada como principal espaço de disseminação desse tipo de conteúdo.
O estudo analisou conteúdos enviados entre os dias 16 de setembro de 7 de outubro, ou seja, em boa parte do 1º turno das eleições deste ano. A amostra trouxe 347 grupos monitorados pelo projeto Eleição sem Fake, da UFMG. Os resultados, portanto, não podem ser generalizados. Mas trazem indícios importantes para a compreensão deste fenômeno. Ao todo, eles reuniram mais de 18 mil usuários. No período, circularam 846 mil mensagens, entre textos, vídeos, imagens e links externos.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE