Vigilância Sanitária flagra 70 pessoas em praças de Nova Odessa

Mais de 70 pessoas foram flagradas caminhando e consumindo alimentos em praças de Nova Odessa, na noite de quinta-feira (23), em mais uma operação de fiscalização do cumprimento das medidas de quarentena para conter o avanço da pandemia de Covid-19 no município. A ação foi coordenada pela Vigilância Sanitária, vinculada à Diretoria de Vigilância em Saúde, e contou com a participação da Guarda Civil Municipal e do secretário de Esportes, Cultura, Lazer e Turismo, Josias Queiroz.

A força-tarefa de fiscalização teve início na Praça Central ‘José Gazzetta’, no Centro, e se estendeu por outros sete espaços públicos, nos bairros Residencial Terra Nova, Jardim Marajoara, Conjunto Habitacional 23 de Maio, Jardim Santa Rita, Residencial Altos do Klavin, Jardim Alvorada e Jardim Bela Vista.

“Encontramos pessoas caminhando, passeando e consumindo alimentos como se não estivéssemos enfrentando uma pandemia que já matou mais de 80 mil pessoas no país, 23 delas em Nova Odessa”, afirmou a diretora de Vigilância em Saúde, Priscilla Amaral Rangel Belmonte. Os moradores foram abordados e orientados a voltar para casa.

Durante a ação, também houve distribuição de máscaras. “Todas as pessoas desprotegidas receberam o equipamento e foram orientadas sobre a obrigatoriedade do uso e as formas corretas de utilização, lavagem [no caso de máscaras de tecido] e descarte”, explicou a coordenadora da Vigilância Sanitária, Meria Brito de Jesus.

A fiscalização em espaços públicos, privados e em serviços considerados não essenciais – vetados desde o último dia 6, quando a região de Campinas foi rebaixada à fase vermelha do ‘Plano São Paulo’ – foi reforçada a partir de 11, por determinação do prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza, em todas as regiões da cidade. Nova Odessa totaliza 283 casos de Covid-19. Desse total, 150 estão recuperadas e 23 pessoas morreram.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE