Ver.s aprovam combate ao suicídio, Rugby e mais

Os vereadores da Câmara Municipal de Americana aprovaram com emenda, por unanimidade em primeira discussão, durante a sessão ordinária realizada nesta quinta-feira (5) no Plenário Dr. Antônio Álvares Lobo, projeto de Lei nº 124/2017, de autoria do vereador Vagner Malheiros (PDT), que autoriza o Poder Executivo a instituir, no município de Americana, o Plano Municipal de Prevenção ao Suicídio.
De acordo com o autor, a propositura tem como objetivo identificar possíveis sintomas, tratar o transtorno e prover o acompanhamento de indivíduos que apresentem o perfil, minimizando a evolução dos quadros que podem chegar ao suicídio.
Segundo o parlamentar, o plano deverá ser desenvolvido pelas secretarias municipais de Saúde e de Educação. ???As diretrizes serão o treinamento adequado aos profissionais da saúde e da educação, visando identificar situações e comportamentos que se enquadrem no perfil potencial nos casos de suicídio, promoção de palestras, exposição de cartazes, debates em grupo, e outras atividades que visam conscientizar a população sobre eventuais sintomas, e alertando para possível diagnóstico, a serem realizadas???, explicou.
Obrigatoriedade do licenciamentoFoi aprovado com emenda por unanimidade, o projeto de Lei nº 76/2017, de autoria dos vereadores Luiz da Rodaben (PP) e Rafael Macris (PSDB), que dispõe sobre a obrigatoriedade do licenciamento e emplacamento no município de Americana dos veículos automotores utilizados pelas empresas que prestam serviços à Administração Pública ou locados pelo Poder Público.
Centro de Orientação Humana São DomingosO projeto de Lei nº 119/2017, de autoria do Poder Executivo, que autoriza o Poder Executivo a ceder à instituição beneficente Centro de Orientação Humana São Domingos, mediante contrato de concessão de uso, o bem imóvel que especifica foi aprovado em primeira discussão com dezenove votos favoráveis.
Piratas RugbyFoi aprovado por unanimidade em primeira discussão, o projeto de Lei nº 123/2017, de autoria do vereador Rafael Macris, que declara de Utilidade Pública Municipal a Associação Desportiva Piratas Rugby.
VetoFoi acatado por dezessete votos favoráveis e um contrário em discussão única o veto total ao projeto de Lei nº 77/2017, de autoria do vereador Gualter Amado (PRB), que assegura prioridade na matrícula nos estabelecimentos de ensino municipal para a criança com deficiência. ComissõesO projeto de Decreto Legislativo nº 21/2017, de autoria da Comissão Especial de Estudos e Acompanhamento do transporte coletivo, que prorroga por 180 dias o prazo estipulado no Decreto Legislativo n.º 798, de 30 de março de 2017, que constituiu Comissão Especial de Estudos e Acompanhamento no âmbito do transporte coletivo de Americana foi aprovado por unanimidade em discussão única. Foi aprovado com emenda por unanimidade em discussão única o projeto de Decreto Legislativo nº 22/2017, de autoria da Comissão Especial de Estudos e Acompanhamento para a despoluição da Represa Salto Grande, que prorroga por 90 dias o prazo estipulado no Decreto Legislativo n.º 797, de 30 de março de 2017, que constituiu Comissão Especial de Estudos e Acompanhamento para a despoluição da Represa de Salto Grande.
Dia do Técnico IndustrialO projeto de Lei nº 114/2017, de autoria do vereador Welington Rezende (PRP), que institui o Dia do Técnico Industrial no calendário oficial do município foi aprovado por unanimidade em redação final.
Alteração de leiFoi aprovado por unanimidade em redação final, o projeto de lei nº 138/2017, de autoria do Poder Executivo, que altera a lei municipal nº 5529/2013, que dispõe sobre a Política Municipal de Arborização Urbana e institui diretrizes para a arborização urbana. A propositura adequa a legislação municipal às diretrizes estabelecidas pelo programa ???Município Verde-Azul???, criando o conceito de ???espaço árvore??? para os novos loteamentos a serem implantados no município.
Plano de Conservação e Recomposição da Mata Atlântica e do CerradoO projeto de lei nº 139/2017, de autoria do Poder Executivo, que aprova o Plano de Conservação e Recomposição da Mata Atlântica e do Cerrado no município de Americana. O projeto tem como objetivo adequar a legislação vigente e possibilitar o acesso do município a recursos do Fundo de Restauração do Bioma Mata Atlântica, que serão destinados a projetos de recuperação ambiental foi aprovado por unanimidade em redação final.
Cobrança de despesas médicas das concessionárias de estradas e rodovias
Foi aprovado por dezesseis votos favoráveis, um contrário e uma abstenção em segunda discussão, o projeto de Lei nº 86/2017, de autoria do vereador Rafael Macris, que obriga as concessionárias de estradas e rodovias a custearem despesas relativas aos atendimentos médicos e hospitalares prestados nos estabelecimentos municipais de saúde às pessoas trazidas por ambulâncias e veículos identificados como UTI móveis dos Serviços de Atendimento aos Usuários das concessionárias. De acordo com a propositura, as concessionárias arcarão com as despesas efetuadas pelo município quando os estabelecimentos públicos municipais de saúde verificarem, diante do estado de saúde apresentado ou da natureza e localização da ocorrência de socorro médico ou acidente, que as vítimas poderiam ter sido transportadas diretamente a uma unidade pública de saúde localizada em cidades mais próximas da ocorrência.
Programa de Travessia Preferencial de PedestresO projeto de Lei nº 95/2017, de autoria do vereador Marco Antonio Alves Jorge, o Kim (PMDB), que dispõe sobre a criação do Programa de Travessia Preferencial para pedestres nas vias públicas do município de Americana, foi aprovado por unanimidade em segunda discussão.
De acordo com a propositura, o objetivo é estimular uma modificação de conduta, tanto de pedestres quanto de condutores de veículos automotores, conscientizar motoristas e motociclistas da preferência dos pedestres numa faixa de travessia em que não haja instalação de semáforo.
Alteração de leiFoi aprovado por unanimidade em segunda discussão, o projeto de lei nº 140/2017, de autoria do Poder Executivo, que altera a lei municipal nº5613/2014,. A propositura altera a lei que dispõe sobre a composição do Conselho de Defesa do Meio Ambiente (Condema).
AdiadosRecebeu o primeiro pedido de vista formulado pelo vereador Luiz da Rodaben, o projeto de Decreto Legislativo nº 20/2017, de autoria da Mesa Diretora, que referenda relatório final apresentado pela Comissão Especial de Inquérito, constituída pelo Ato da Mesa nº 15, de 20 de fevereiro de 2017, para investigar e apurar fatos ilegais, irregulares, atos e omissões administrativas relacionados com o trabalho de empreiteiras, terceirizados, manutenção e limpeza, compra e venda de sepulturas, determinações judiciais no serviço público prestado no Cemitério do Parque Gramado. O projeto de Lei nº 93/2017, de autoria do vereador Gualter Amado, que altera o art. 5º da Lei Municipal 2.740/1993, que dispõe sobre a aplicação no município das normas de proteção e combate a incêndio adotadas pelo Serviço de Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, recebeu o primeiro pedido de vista formulado pelo vereador Wlademir Martins (PRB).
Foi adiado por seis dias a pedido do vereador Thiago Brochi (PSDB), o projeto de Lei nº 98/2017, de autoria do vereador Guilherme Tiosso (PRP), que autoriza o Poder Executivo a instituir o Programa Segunda Sem Carne nas escolas e creches municipais.
O projeto de Lei nº 100/2017, de autoria do vereador Guilherme Tiosso, que altera a ementa e dispositivos da Lei Municipal nº. 5.327/2012, que institui o Projeto Empresa Amiga dos Animais e autoriza a Prefeitura Municipal de Americana a firmar parceria com a iniciativa privada para manutenção e cuidado de animais permanentes do Parque Ecológico Municipal de Americana Engº Cid Almeida Franco, foi adiado por seis dias a pedido do vereador Thiago Brochi.
Foi adiado por trinta dias a pedido do vereador autor, o projeto de Lei nº 106/2017, de autoria do vereador Thiago Brochi, que institui o Programa Americana Consciente no município.
O projeto de Lei nº 108/2017, de autoria do vereador Senhor Gualter Amado, que institui a Semana Municipal da Saúde Ocular no município, recebeu o primeiro pedido de vista formulado pelo vereador Wlademir Martins.
Foi adiado por trinta dias a pedido da vereadora Maria Giovana (PC do B), o projeto de Lei nº 125/2017, de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre o Grupo de Proteção Ambiental ??? GPA, da Guarda Municipal de Americana.
O projeto de Lei nº 127/2017, de autoria do Poder Executivo, que aprova a Planta de Valores e as Tabelas de Preços Imobiliários e de Construções a ser utilizadas, a partir de 1º de janeiro de 2018, para a fixação dos valores venais dos imóveis situados no município, recebeu o primeiro pedido de vista formulado pelo vereador Thiago Brochi.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE