Vereadores ‘descem a bota’ em Andia

Alguns vereadores de Santa Bárbara d’Oeste não economizaram ao falar do prefeito Denis Andia (PV) nesta terça-feira durante a sessão na Câmara Municipal. Incendiados pelo vereador Alex Backer (PRB), o alvo é a dívida do município que, segundo o parlamentar, é de aproximadamente R$150 milhões. 
O motivo da longa discussão foi um requerimento de autoria de Backer- assinado por sete vereadores –  que convoca os secretários municipais de fazenda e negócios jurídicos para explicarem na Câmara a dívida trabalhista da prefeitura de R$3,1 milhões de reais. O valor é referente ao pagamento das férias dos funcionários da secretaria de educação do município. O requerimento foi rejeitado pelos vereadores por 11 votos a 5 e duas ausências.
O vereador da base Carlos Fontes (PSD) afirmou que o município ainda está sem secretário de fazenda – desde a saída de Raquel Campagnol – e que o colega (Backer), se quiser fazer oposição, tem que fazer oposição inteligente, o que foi encarado como indireta de “oposição burra” pelo vereador Dr. José (PSDB). 
O assunto foi deixa para Dr. José questionar sobre o cargo, “quanto tempo o município pode ficar sem secretário de fazenda? Vai chover ação trabalhista. Vários (funcionários) entraram na justiça pelo parcelamento (dos salários)”, disse o tucano. 
Na defesa de Denis, além de Fontes, atuou Joel do Gás (PV) que disse que o prefeito, apesar da dívida, cumpre com seus compromissos em dia. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE