Vereadores apresentam pacote de ações de combate ao câncer

Os vereadores Esther Moraes e Júlio César Santos, o Kifú, ambos da bancada do PL na Câmara barbarense, apresentaram, hoje (19), um pacote de ações voltadas ao cuidado de pacientes com câncer em Santa Bárbara d’Oeste. Essas propostas foram idealizadas depois de visita realizada pelos parlamentares, no início deste ano, à Rede Feminina de Combate ao Câncer. Além de conversar com voluntários que atuam há anos nessa entidade, eles também ouviram diferentes pacientes, muitos dos quais os procuraram, solicitando informações a ajuda para darem prosseguimento aos próprios tratamentos.

A primeira propositura protocolada hoje pela dupla é um projeto de lei que dispõe sobre o programa de acolhimento sistêmico intrafamiliar para pacientes diagnosticados com câncer no Município. O objetivo desse projeto é promover políticas públicas efetivas e integradas para o atendimento, acolhimento e acompanhamento do paciente com câncer e da família dele. O projeto garante, seja por meio da Administração Municipal ou de parcerias com instituições públicas e privadas, a assistência médica, psicológica e social para os pacientes que aguardam o início do tratamento, assim como o encaminhamento e atendimento prioritário em caso de vulnerabilidade social.

Também nesta quarta-feira, os dois protocolaram um ofício endereçado ao deputado André do Prado (PL), solicitando a destinação de R$ 100 mil, por meio de emenda parlamentar, para custeios na área de saúde. Esses recursos seriam utilizados em programas e ações de atendimento a pacientes diagnosticados com câncer em Santa Bárbara d’Oeste.

Além disso, Esther e Kifú apresentaram uma indicação e dois requerimentos destinados à Administração Municipal. Na indicação, eles sugerem a criação de um protocolo preventivo na Secretaria Municipal de Saúde, para o diagnóstico precoce do câncer nos prontos-socorros. “Muitas vezes o munícipe não tem o costume de passar por acompanhamento médico, procurando ajuda somente em casos de urgência, para tratar a doença específica de forma superficial. É nesse momento que o médico pode questionar se o paciente já fez exames preventivos e de acompanhamento”, explicam os parlamentares.

No primeiro requerimento, os vereadores do PL questionam a Prefeitura sobre os casos de crianças e adolescentes diagnosticados com câncer no Município e de que forma tem sido o atendimento escolar a esses pacientes. Nesse pedido de informações, os parlamentares também indagam se há algum acompanhamento psicológico dessas famílias. Por fim, na última propositura apresentada hoje, Esther e Kifú pedem informações sobra a fiscalização de empresas que atuam com produtos químicos em Santa Bárbara d’Oeste, preocupados com os potenciais riscos desse material ao meio ambiente e à saúde dos barbarenses. Além de questionar a Prefeitura, nesse caso eles também pedem esclarecimentos à CESTESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo).

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE