Vereador pede a volta dos cobradores nos ônibus

O vereador Willian Souza (PT) protocolou nesta sexta-feira (17) representação no MPT (Ministério Público do Trabalho), em Campinas, pedindo o fim da dupla função dos motoristas e a volta dos cobradores nos ônibus do transporte público de Sumaré.
No documento, o parlamentar aponta que a falta de cobrador nos ônibus tem gerado transtornos para trabalhadores e usuários e representa grave risco a população em geral, uma vez que a cobrança de passagem pode desviar a atenção dos motoristas, aumentando a chance de ocorrer acidentes de trânsito.
“Sumaré conta com 15 linhas do transporte público municipal e o que se observa dos itinerários traçados nas referidas linhas é que a maioria opera em grandes vias da cidade, principalmente pela Rodovia Anhanguera e suas marginais, o que demonstra que o risco aos trabalhadores e usuários aumenta consideravelmente, já que o fluxo de veículos é maior e a velocidade também é superior àquela permitida dentro da cidade”, diz o texto da representação. “Anexamos ainda um vídeo feito por celular que flagra o motorista cobrando passagem e dando troco com o ônibus já em movimento. ?? notório o grande risco de acidente com consequências trágicas para todos os envolvidos no trânsito de Sumaré, por isso queremos que o MPT tome providências urgentes diante do problema”, explica o vereador.
De acordo com Willian, o acúmulo de função também gera um elevado grau de estresse para os condutores que, mesmo com a responsabilidade de cobrar a passagem, são pressionados pela empresa concessionária a cumprir os horários previstos.
“?? um absurdo o que a Ouro Verde tem feito com os motoristas e com a população de Sumaré. O alto valor da passagem possibilita a manutenção da figura importantíssima do cobrador sem oferecer os riscos que a população e os profissionais têm sido submetidos diariamente”, desabafou o parlamentar. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE