Veja 5 dicas de alimentação no Carnaval

O Carnaval é um dos feriados mais esperados pelos brasileiros, período em que muitos aproveitam para viajar, descansar ou encontrar os amigos nos dias de folga. Independente do propósito, é importante manter uma alimentação equilibrada durante o feriado para prevenir incômodos e até ter mais disposição.

Segundo Cyntia Maureen, nutricionista e consultora da Superbom, empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis, as pessoas que cometem excessos nesta época podem apresentar problemas de digestão, na pele e fortes dores de cabeça. 

Pensando nisso, a profissional elenca dicas de alimentação para todos aproveitarem o feriadão com a saúde em dia: 

    Refeições principais: quando saímos da nossa rotina de horários o organismo sente, por isso é importante planejar as refeições o máximo possível para que o corpo não sinta tanta diferença na mudança de horários e hábitos. ???Para os que viajam, às vezes é inevitável ficar preso no trânsito ou nas longas filas de aeroportos, e como nem sempre é possível parar em algum estabelecimento para se alimentar adequadamente, é importante ter na bolsa snacks saudáveis, frutas ou castanhas para saciar a fome???, indica. 

    Hidratar-se: a alta exposição ao sol nas praias e passeios exige a ingestão de muita água e bebidas saudáveis para repor as proteínas perdidas com o suor. Além dos dois litros de água por dia, a dica é optar por sucos integrais ou naturais que ajudam a evitar a desidratação e, por consequência, queda de pressão e desmaios.

    Alimentos gordurosos e doces em excesso: comidas ricas em gordura e glicose são diretamente responsáveis por enjoos, diarreias e demais problemas digestivos, por isso é importante evitá-los. O ideal é manter uma alimentação leve e balanceada, priorizando verduras, frutas e legumes.

    Longos períodos sem comer: o trânsito e as filas também podem pegar algumas pessoas desprevenidas que não têm à disposição aperitivos saudáveis que possam aliviar o apetite momentâneo. Porém, a profissional alerta que ficar muitas horas sem comer pode causar hipoglicemia, desmaios, irritabilidade e dor de cabeça. ???Em pessoas com diabetes o risco é ainda maior porque a hipoglicemia, por exemplo, pode acarretar em convulsões e até coma???, pontua.

    Exposição ao sol: alguns alimentos também ajudam a dar maior proteção para pele durante as horas ao sol como tomate, laranja, cenoura, manga e batata doce, que possuem alta concentração de antioxidantes e fitoquímicos que agem diretamente sobre as células da pele evitando seu envelhecimento precoce.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE