Vaidade interrompida, por Monise Rodrigues

Qual seria o verdadeiro conceito de vaidade? Para uns uma qualidade, já para outros um defeito. Da palavra vaidade: “valorização que se atribui à própria aparência, ou quaisquer outras qualidades físicas ou intelectuais, fundamentada no desejo de que tais qualidades sejam reconhecidas ou admiradas pelos outros”

Os novos tempos porém, nos mostram outros conceitos de vaidade, que muitas vezes não se encaixa em um fato individual, e sim no coletivo, naquilo que vemos do lado de fora de outras pessoas.
Vaidade é ser uma figura pública com alto nível social e ter engajamento com celebridades e milhões de seguidores nas redes sociais e ter muitas curtidas e comentários nas fotos? Então por que tanta gente adoecendo mentalmente por falta dessa aprovação?
Vaidade seria ter um físico mais perfeito possível mesmo que o preço seja ter que utilizar recursos como: cirurgias plásticas, uso de medicamentos, ou até adquirir um distúrbio alimentar ou mudar sua aparencia em aplicativos? Afinal é normal né. Então por que tantas pessoas perdem a saúde ou até a vida e ainda não se sentem perfeitas com sua real imagem?
Vaidade talvez seria andar bem vestida coberta de marcas caras, um rosto com os melhores produtos e maquilagem, onde se pode ter a aparência 24 horas na máxima perfeição? Realmente é tudo muito lindo, mas como se apresenta as pessoas cercadas de tal recurso e ainda sim com problemas de autoestima, autoconfiança e aceitação pessoal?
Talvez vaidade seja o oposto do que conhecemos, pois só enxergamos nossa vaidade quando olhamos para dentro e não para fora. Só encontramos a verdadeira vaidade quando mudamos o que ela significa para nós, e a enxergamos como uma totalidade maior, maior que o número de seguidores, maior que o corpo perfeito, maior que a aparência impecável, maior que o dinheiro, maior que o preconceito, maior que o bullyng, maior que o egocentrismo.
Será que estamos mesmos preparados para essa verdadeira vaidade? Despertar dói! Enxergar que repetimos os mesmos comportamentos na vida dói!Mas para todos os que são capazes de se contrapor a velhos conceitos enraizados conseguirão finalmente enxergar o grande cubo da vida. Mas pelo lado de dentro. E se vaidade fosse ser feliz?.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE