Têxteis querem piso de R$ 1,5 mil

Reunidos com a Federação, os Sindicatos dos Trabalhadores Têxteis do Estado de São Paulo fecharam a pauta de reivindicações para a Campanha Salarial 2018/2019. Ainda esta semana, a pauta será protocolada junto aos Sindicatos Patronais, solicitando urgência no início das negociações, já que a data-base da categoria é 1º de novembro. Em Americana, dirigentes dos trabalhadores estarão protocolando hoje (02) a pauta de reivindicações junto ao Sinditec (Sindicato Patronal da maioria das empresas do segmento na cidade e região).Piso salarial de R$ 1.500,00; reajuste salarial pelo INPC do período mais 2% de aumento real; auxílio-creche de R$ 200,00 por filho; obrigatoriedade de homologação no Sindicato  e proibição da terceirização nas indústrias são algumas das cláusulas que compõem a pauta de reivindicações.O Presidente do Sindicato Têxtil de Americana, Antonio Martins, explicou que a pauta está propondo a discussão de poucas cláusulas e a renovação das demais. ???Em seminários que realizamos com o setor patronal ficou acertado que discutiríamos as cláusulas econômicas e manteríamos as de caráter social, como forma de agilizar a renovação da Convenção Coletiva. Esperamos mudar a realidade de anos anteriores, quando a Convenção era fechada no final de dezembro  ou até em janeiro, prejudicando os trabalhadores e trazendo transtornos para a área de recursos humanos das empresas???, comentou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE