Twitter longo e a necessidade de autoexpressão

Essa iniciativa é uma tentativa do Twitter em alcançar novos usuários, ou seja, combater a estagnação, explica o especialista em redes sociais da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), Celso Figueiredo Neto. ????? interessante pensar que essa iniciativa inverte a lógica de less is more (menos é mais) ou o discurso de que as coisas estão cada vez mais rápidas, com menos texto e mais imagens. Dobrar o número de caracteres é um modo de dizer que preciso de mais palavras para dizer o que eu sinto???, explica o Figueiredo.
  O profissional ressalta que essa mudança sinaliza que o usuário precisa falar mais para capturar cliques e colher curtidas, e nesse caso o Twitter entende que precisa ceder mais espaço para isso, mas com um limite para não perder o seu DNA. ???O textão do Facebook indicia a necessidade de autoexpressão do usuário. Ele precisa mostrar seu ponto de vista. Os 280 caracteres podem dar mais espaço para a pessoa contar a história e levar o usuário a clicar no link???, frisa o professor.
 A persuasão demanda tempo em qualquer mídia, se você reduzir excessivamente o tempo e espaço de expressão ele vai perder sua capacidade persuasiva e, portanto, cliques de outros usuários, afirma o professor do Mackenzie. ???O motor de qualquer rede social são seus usuários. E o que move os usuários nas redes sociais é a capacidade de gerar cliques, que significam apoio, concordância, autoestima. Aumentar o espaço de exposição para o usuário significa dar a ele mais liberdade para exercer sua persuasão???, sintetiza Figueiredo.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE