Trimble apresenta soluções para crescimento do setor ferroviário

A Trimble, referência mundial em soluções de tecnologia de posicionamento, marca presença no VII Brasil nos Trilhos, evento dedicado a soluções para o desenvolvimento do setor ferroviário brasileiro, que acontece no dia 3 de maio, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), em Brasília.

A divisão da Trimble Rail Solutions apresenta soluções que combinam o que há de mais moderno em sensores e tecnologias de monitoramento, com software personalizado e comunicações sem fio. Com isso, torna a captação de dados mais rápida e precisa, de forma a auxiliar a manutenção da infraestrutura ferroviária, além de gerenciar ativos de transporte ferroviário.

Os produtos de gerenciamento do ciclo de vida de ativos ferroviários da Trimble atuam desde a operação até a manutenção e reparo. Em 2014, a Trimble adquiriu a empresa Irlanesa Nexala, especialista em ferramentas de agregação e análise de dados para engenharia e operações de material rodante. Em 2017, a Trimble comprou a Beena Vision, de Atlanta, na Georgia, fabricante de sistemas de inspeção lateral através de imagens dos trens e da via.

Usando esse portfólio abrangente de soluções de monitoramento lateral e embarcado, as empresas ferroviárias podem melhorar a eficiência operacional, gerenciar níveis de serviço e reduzir custos, garantindo que o serviço seja mantido no mais alto nível. Alguns exemplos de clientes que usam soluções da Trimble neste setor: South West Trains, Eurostar, SNCF, Irish Rail, grupo Go-Ahead, Siemens, Arriva,  Greater Anglia, BNSF, Aurizon, entre outras.

Segundo Fátima Gonçalves, Diretora de Novos Negócios, a Trimble tem mais de 35 anos de mercado e é uma das líderes mundiais em soluções e tecnologia de posicionamento, como GPS, óptica e inerciais, utilizadas em diversos segmentos. ???Estão sendo anunciados planos de PPPs (parcerias público-privada) para esse segmento. Vemos assim que podemos contribuir efetivamente para aumentar a eficiência na operação e na manutenção das redes existentes, bem como mitigar riscos, reduzir desperdícios e aumentar a qualidade dos projetos de novos trechos???, explica.

Fátima afirma, ainda, que com a expansão das redes atuais e o aumento de sua eficiência, os exportadores brasileiros se tornarão mais competitivos no mercado internacional, trazendo benefícios diretos para o país. ???Decidimos apoiar o VII Brasil nos Trilhos pela importância que o segmento de transporte ferroviário de cargas deve representar no futuro logístico do Brasil. ?? uma importante oportunidade de encontrar os interessados em alavancar este segmento e discutir ideias de como mudar a maneira como o setor trabalha???, diz.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE