Técnicos do TJ vistoriam futuro Fórum

Técnicos do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo fizeram hoje uma vistoria técnica no imóvel onde funciona o Procon de Nova Odessa, na avenida Carlos Botelho, 902, Centro. A intenção é que o prédio sedie, enquanto o Fórum segue interditado, os trabalhos do Poder Judiciário da cidade. O secretário de Administração, Francisco Mauro Ramalho, o diretor do Procon, Elvis Garcia, o vereador e advogado José Pereira e o juiz Gabriel Baldi de Carvalho, acompanharam a vistoria.
De acordo com Ramalho, o prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza está empenhado em resolver o impasse criado com a interdição do Fórum de Nova Odessa.
Para o vereador José Pereira, todos os esforços estão sendo somados para amenizar o transtorno que a interdição do Fórum está causando. 
Ainda não há uma definição sobre o imóvel. Engenheiros do Tribunal de Justiça fizeram medições, analisaram condições estruturais e elétricas. A interdição do prédio do Fórum ocorreu no dia 9 de janeiro, após laudo pericial apontar que a estrutura corre risco de ruir. O imóvel foi alugado pela Prefeitura em 2010. Custo mensal é de cerca de R$ 34 mil.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE