Tavam com carro roubado, fugiram e bateram

Os patrulheiros Cleber, Damaceno e Martins ás 23:30 horas estavam em patrulhamento pela Avenida da Industria, quando se deparam como Toyota Yaris XLI placas ELE9950-AMERICANA/SP, que constava em sistema como objeto de roubo no dia anterior na vizinha em Americana, que trafegava no sentido oposto ao dos patrulheiros e que de imediato ao ver a guarnição empreendeu fuga em alta velocidade, convergindo na contramão de direção, na Avenida do Comércio. 
Os indiciados então perderam o controle do veículo Toyota na confluência com a rua do Petróleo, vindo a colidir com um poste de energia. R.S.S. foi detido ainda no veículo pela Guarnição do Apoio Tático e em seu poder localizado um celular e documento pessoal.
O motorista fugiu a pé dispensando um celular em meio a via, porém foi detido pela guarnição poucos metros do local da batida e identificado como R.P.S. Em seu poder localizado uma carteira contendo R$ 1.400, 1 Dólar, 1 Rupee e 2 mil Guaranis.
Questionado sobre o porquê de estar conduzindo o automóvel, o mesmo alegou que o comprou de um desconhecido pela soma de R$ 1.000, e negou que tenha participado do roubo a residência registrado com RDO376/2019 – do 3ºDP de Americana.
O carona disse que o motorista é seu funcionário em sua empresa de pintura e apenas estava dando uma volta de carro. Diante do exposto foi dada Voz de Prisão em Flagrante a ambos com base no artigo 180 “caput” do CPB, ratificada pela autoridade de plantão que arbitrou fiança no valor de R$ 10.000 cada, a qual não foi paga, sendo ambos recolhidos a cadeia pública local até a audiência de custódia.  Veículo recolhido ao pátio único.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE