Taradão detido na porta da escola em Americana

Um homem foi detido por ato obsceno na porta de uma escola esta quarta-feira em Americana. O crime foi confirmado na rua Cira de Oliveira Petrin 585 – Mário Covas. Na porta da escola Estadual Prof Maria do Carmo Augusto por volta das 10:20h da manhã. 
Equipe da Polícia Militar foi acionada para averiguar denúncia de um homem em uma Honda biz de preta estava praticando ato obsceno nas proximidades da escola. Em contato com os funcionários da escola, a equipe de posse das placas da moto se dirigiu ao endereço do proprietário.
No local as informações indicaram que o possível condutor estaria em uma casa no bairro Jardim da Paz. Logo M. R. S., 33, foi abordado. A escola em seu livro de controle de  ronda escolar registra em data de 6 de novembro uma moto Biz preta com um homem teria praticado o ato. 
Com a notícia de detenção do autor foram localizadas mais duas vítimas de datas diferentes e uma na data de hoje. Os fatos narrados por todas as vítimas apresentavam pontos em comum: primeiro sendo a moto biz preta, homem de capacete e placa coberta com um tecido azul, na estrada de terra da área de eucaliptos (área que deixa crianças e mulheres veneráveis). 
Uma das vítimas sofreu 5  experiências traumáticas na mesma área com um homem com as mesmas características. Esse vítima conseguiu em uma última experiência filmar o indivíduo na data de 11 de novembro de 2019 em fuga do local.  O acusado demonstrou muito ousadia talvez em ato de autoconfiança em permanecer na impunidade e não cobriu a placa da moto, coisa que nas ocorrências anteriores o mesmo cobria a placa com um tecido de cor azul. 
O ponto de ligação de todas as vítimas foi um capacete de cor branca adesivado nas cores preta e dourada e com a viseira espelhada. Representantes da escola compareceram também na delegacia da mulher para relatar outras denúncias alunas com experiências traumáticas nas proximidades da escola com o mesmo indivíduo sempre nos períodos de entrada e saída da escola. E com a ação da Polícia Militar hoje todos ficaram gratos  por colocar um fim nesse caso tão complicado e que estavam todos se sentindo mais seguros agora. 
Sendo assim a ocorrência foi apresentada à Autoridade Policial de Plantão. Indiciado foi ouvido e liberado.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE