Superliga. Vôlei Renata perde pro líder Sada/Cruzeiro

O Vôlei Renata fez mais um grande jogo e somou outro ponto importante na sequência da Superliga Cimed. Na noite deste sábado (16), o time campineiro chegou a abrir 2 a 0, mas acabou superado pelo Sada/Cruzeiro, por 3 a 2 (20/25; 18/25; 25/22; 25/16 e 18/16), no Ginásio do Riacho, em Contagem, em jogo válido pela sexta rodada do segundo turno. O oposto Dani foi o maior pontuador da partida com 18 acertos. 

Firme entre os oito que se classificam à próxima fase, com 24 pontos, o Vôlei Renata volta a jogar contra São Francisco Saúde/ Ribeirão Vôlei, na próxima quarta-feira (20), às 20 horas, no Ginásio Cava do Bosque, em Ribeirão Preto. 
O JOGO – O Vôlei Renata teve que segurar a pressão do adversário no começo do primeiro set. Os mineiros impuseram força no saque, mas o time paulista soube se virar bem na construção das jogadas e rodou bolas complicadas com Dani e Tavares para manter o placar empatado (9 a 9). Aos poucos, o sistema de defensivo campineiro começou a fazer a diferença. Os donos da casa tiveram dificuldades na virada de bola, enquanto o time de Horácio Dileo aproveitou oportunidade de contra-ataque para abrir vantagem (16 a 13). Sem perder o ritmo, a equipe de Campinas seguiu ampliando em passagem de Renan pelo saque (19 a 14). Tranquilos, os visitantes mantiveram a pegada e abriram 1 a 0 após erro de saque do adversário: 25 a 20.
O Vôlei Renata manteve o mesmo padrão de jogo no segundo set. Controlando a pressão do saque do adversário e aproveitando contra-ataques, a equipe campineira logo abriu vantagem (7 a 5). Com dificuldades no ataque, os donos da casa seguiram sofrendo com a virada de bola campineira, que teve como destaque a dupla de centrais. Vini, após ace, obrigou o adversário a gastar o segundo pedido de tempo (15 a 10). Depois, Luizinho fechou a porta do ataque celeste e, seguida, aproveitou contra-ataque (20 a 16). Sem deixar o ritmo cair, o time de Campinas abriu 2 a 0 após erro de saque do adversário: 25 a 18. 
A terceira parcial foi mais equilibrada. O Vôlei Renata, no entanto, começou novamente com alto volume de jogo e logo abriu vantagem após bloqueio de Tavares (7 a 5). Aos poucos, os donos da casa igualaram as ações e o placar ficou empatado na maior parte do tempo. Perto da reta final, em passagem de Renan pelo saque, os campineiros desgarraram após ace (18 a 16). O Sada/Cruzeiro, contudo, cresceu na inversão do 5-1 e voltou a deixar tudo igual (21 a 21). Encaixando bons bloqueios, os donos da casa fizeram 25 a 22 e diminuíram a desvantagem. 
No quarto set, o time campineiro teve dificuldades para segurar o saque cruzeirense. Desta forma, os mineiros foram construindo a vantagem e forçaram o tiebreak fazendo 25 a 16. Na parcial decisiva, o equilíbrio predominou. Os donos da casa tentaram assumir a frente do marcador, aproveitando contra-ataque (8 a 6). O Vôlei Renata se manteve na cola e conseguiu o empate após bloqueio decisivo de Vini (12 a 12). Em meio a tensão do jogo, o Sada/Cruzeiro errou menos e fechou por 18 a 16, levando o duelo por 3 a 2. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE