Sumaré: Acias recebe com alívio reabertura de comércios

A Acias (Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Sumaré) recebeu com alívio o anúncio da criação da Fase de Transição no Plano SP, que permite a volta gradual das atividades consideradas não essenciais em duas etapas. A Fase de Transição, entre a Laranja e a Vermelha, foi anunciada nesta sexta-feira (16), pelo governo de São Paulo.

“A retomada gradativa das atividades representa uma grande conquista para os segmentos comercial e de serviços. Estamos há um mês com as portas fechadas e reabrir, ainda que com o horário restrito, vai impactar de forma bastante positiva”, comentou o presidente da Acias, Juarez Pereira da Silva.

A partir deste domingo, dia 18, as atividades comerciais estão autorizadas a funcionar das 11h às 19h. Serviços gerais, como restaurantes e similares, academias e salões de beleza, poderão reabrir a partir de 24 de abril, também com horário reduzido.

Silva reforça que a Acias continuará conscientizando seus associados sobre a importância de seguir as medidas sanitárias. “É preciso continuar respeitando todas as orientações das autoridades de saúde para que os índices de transmissão da Covid-19 continuem caindo”, ressalta o presidente da Acias.

Regras da Fase de Transição do Plano SP

De 18 a 23 de abril:

– atividades comerciais podem funcionar das 11h às 19h.

– atividades religiosas podem funcionar com restrições.

 

De 24 de abril a 30 de abril

– atividades comerciais podem funcionar das 11h às 19h.

– atividades religiosas podem funcionar com restrições.

– restaurantes e similares podem funcionar das 11h às 19h.

– salões de beleza e barbearia podem funcionar das 11h às 19h.

– academias podem funcionar das 7h às 11h e das 15h às 19h.

– atividades culturais estão liberadas das 11h às 19h.

 

Todos os estabelecimentos devem respeitar a capacidade máxima de 25% da ocupação.

Toque de recolher: 20h às 5h.

Teletrabalho para atividades administrativas não essenciais.

Escalonamento do horário de entrada e saída de atividades do comércio, serviço e indústria.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE