Sumaré: Guardas e Bombeiros fazem greve relâmpago

Todo o efetivo da Guarda Municipal e dos Bombeiros de Sumaré está paralisado nesta quarta-feira, 01 de outubro, em protesto contra a extinção dos plantões e da escala de trabalho. Nenhuma ocorrência será atendida e o controle dos dois órgãos também não estará funcionando.

O Sindicato dos Servidores Municipais de Sumaré apoia as duas categorias e está neste momento na sede da GM e dos Bombeiros, onde os profissionais estarão reunidos a partir das 08h da manhã.Na semana passada, a Administração Municipal revogou um decreto municipal que regulamentava a jornada das categorias sem nem ao menos consultar os trabalhadores e o Sindicato. Como a medida acabou com a regulamentação da jornada em plantão, as corporações passarão a trabalhar de segunda à sexta das 08h às 17h.
???Se não há regulamentação, vamos seguir o que informa o Estatuto do Servidor Público que determina jornada de oito horas diárias???, explica o presidente do Sindicato, Araken Lunardi.
A jornada de trabalho das corporações era de 160 horas mensais e 40 horas de descanso remunerado. Sem a regulamentação, eles terão que trabalhar 180 horas.???Estamos nos mobilizando contra essa medida arbitrária da Administração. Ficaremos paralisados até sermos atendidos???, afirma Araken. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE