Sumaré discute Plano Diretor com população neste domingo

As reuniões para Leitura Comunitária de revisão do Plano Diretor de Sumaré tiveram início no último dia 21 e se estendem até novembro em várias regiões do Município. O próximo encontro está previsto para este domingo, dia 27 de outubro, das 10h às 12h, na EMEF Flora Ferreira Gomes – localizada na Rua Alípio Cassino Dutra, 545, no Jardim Angelo Tomazin, região do Maria Antonia. O objetivo dos encontros promovidos pela Prefeitura de Sumaré, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento, é atingir o maior número de habitantes para dar conhecimento sobre a realidade do Município, suas potencialidades, seus condicionantes e suas deficiências.
As duas primeiras reuniões aconteceram dias 21 e 24 de outubro, no CCTI – Centro de Convivência da Terceira Idade, e na EM Alfredo Castro Donaire – região do Matão, respectivamente.  O processo de revisão do Plano Diretor Municipal, Lei nº 4250/06, está sendo desenvolvido em conjunto entre as Secretarias Municipais, ??rgãos Municipais e população, e determina as diretrizes básicas de desenvolvimento da cidade. E a participação da população, bem como das associações representativas interessadas e demais segmentos da comunidade, está em consonância com a Lei – que prevê a revisão a cada dez anos.
???O Plano Diretor deverá prever de forma coerente os conteúdos mínimos dados pela Resolução 34 do Conselho Nacional da Cidade, que trata desde a definição de perímetros urbanos e parâmetros urbanísticos para o zoneamento a parcelamento do solo. A elaboração envolve setores do governo municipal e segmentos empresariais e técnicos, além da própria população, por intermédio das associações, conselhos comunitários, etc. Em nossa concepção, a igualdade de oportunidades é a chave para o desenvolvimento sustentável urbano???, comentou o prefeito Luiz Dalben.
O Plano Diretor é obrigatório para municípios com mais de 20 mil habitantes, portanto, deve ser elaborado com a participação popular, a fim de garantir a função social do Município nas áreas urbanas e rurais. Tem por finalidade principal definir a política de desenvolvimento municipal, num processo permanente de construção e avaliação de ações, visando garantir uma cidade sustentável, acessível e justa para todos. O Plano Diretor de Desenvolvimento Sustentável (2019-2039) de Sumaré visa identificar a realidade e os problemas do município em quatro pilares de sustentação: equidade social, desenvolvimento humano, desenvolvimento econômico e cultura da paz em todos os seus fundamentos.
De acordo com o secretário Municipal de Planejamento, Welington Domingos Pereira, a ideia é trabalhar uma previsão para duas décadas de desenvolvimento do Município. ???Geralmente, um Plano Diretor é feito pra 10 anos, porém no caso de Sumaré, devido a sua descentralização e extensão territorial – compreendendo 53% de área rural – o Município tem muito a crescer, por isso é necessário projetar para além de uma década???, justificou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE