Sumaré destaca artesã local

Garrafas plásticas, que demorariam cerca de 100 anos para se decompor na natureza, transformam-se em lindos vasos e cachepôs para plantas nas mãos da sumareense Alessandra Bravo.  Estes e outros objetos, produzidos artesanalmente a partir de materiais recicláveis, podem ser conferidos (eadquiridos caso haja interesse) até o dia 11 de abril, no Centro de Memória Thomas Didona. 
A exposição ???Reciclar para Preservar a Natureza??? tem entrada gratuita e está aberta ao público de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16 horas. O endereço do Centro de Memória Thomas Didona é Praça da República, nº 102, Região Central. 
A exposição conta com mais de 50 peças variadas, a maioria com pelo menos um elemento reciclado. Alessandra utiliza discos de vinil, CD???s, latas de tinta, embalagens longa vida, garrafas de vidro, entre outros materiais para produzir móbiles, marca páginas e outros objetos decorativos. Mais de 200 pessoas já conferiram o trabalho da artesã desde o dia em que a exposição foi inaugurada, em 10 de março.
SOBRE A ARTES?? Nascida na cidade de São Paulo, a artesã Alessandra Bravo é moradora de Sumaré desde 1985. Criou a marca ???Ateliê Alessandra Bravo??? e é filiada à SUTACO (Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades) e à SOFIC (Sociedade de Filantropia Solidária) desde 2011.Deu aulas de artes aos usuários do CRAS (Centros Regionais de Assistência Social), da Secretaria Municipal de Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social, além de ter participado de diversas exposições e feiras em Sumaré e Campinas. Venceu um concurso artístico com materiais recicláveis,promovido pela Prefeitura de Sumaré em 2003, e um concurso voltado ao meio ambiente promovido pela 3M em parceria com a Prefeitura de Sumaré no ano de 2005. 
Quem tiver interesse em conhecer melhor o trabalho da artesã deve acessar a página do Facebook pelo link www.facebook.com/alessandra.bravo.509, ou entrar em contato telefone (19) 99659-9817.

SERVI??O:
Exposição ???Reciclar para Preservar a Natureza???Segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16 horas (até 11 de abril)Local: Centro de Memória Thomas DidonaEndereço: Praça da República, nº 102, CentroInformações: (19) 3803-3016

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE