Sociedade debate violência sexual contra crianças

Cerca de 150 pessoas participaram, na última quinta-feira (18/5), do debate sobre o ???Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes???, evento promovido pela UNISAL (Centro Universitário Salesiano) em parceria com o CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) e apoio da Secretaria de Ação Social e Desenvolvimento Humano. A ação foi realizada no Auditório do Vermelho no Campus Maria Auxiliadora e fez parte das atividades da XV Semana de Estudos Jurídicos, organizado pelo Curso de Direito, Centro Acadêmico de Direito e do Núcleo de Direitos Humanos da UNISAL. O evento contou com a presença do vice-prefeito e secretário de Ação Social, Roger Willians, que aproveitou a ocasião para apresentar e distribuir folhetos com informações sobre as diversas formas de violência, entre elas contra crianças e adolescentes, com os locais e endereços dos equipamentos públicos municipais para orientações e atendimento.   O debate, que reuniu trabalhadores da rede de atendimento, alunos do Curso de Direito da UNISAL, entre outros participantes, foi ministrado pela professora Mestre-Doutoranda em Serviço Social da PUC-São Paulo, Fabiana Vicente de Moraes, com as participações dos professores da UNISAL, Thiago Nalesso, e Maria Luiza Bissoto. O Conselho aproveitou a ocasião para dar inicio às atividades da Comissão Intersetorial, que irá elaborar o Protocolo de Atendimento de Crianças e Adolescentes Vítimas de Violência Sexual. O documento tem a finalidade de buscar a capacitação da rede de atendimento para melhor compreensão do amplo conceito das situações de violência sexual, a humanização e o sigilo do atendimento. O ???Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes???, dia ???18 DE MAIO???, demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro. Em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), uma criança de oito anos de idade, de sobrenome Araceli, foi vítima de um crime bárbaro que chocou todo o país e ficou conhecido como o ???Crime Araceli???. A data é lembrada para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta contra a violência de crianças e adolescentes.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE