SM tem dia do desafio com Porto-riquenha

Mobilizar maior número de pessoas para realizar, no mínimo, 15 minutos de atividades físicas. Este é o objetivo do dia do desafio, que será realizado no dia 31 de maio. Nessa terça-feira, Sumaré conheceu a cidade com a qual duelará: a porto-riquenha Bayamón, cidade com aproximadamente 210 mil habitantes.

“O desafio é do bem, vence aquela cidade que conseguir mobilizar mais moradores para realizar 15 minutos atividades físicas, propiciando saúde e bem-estar. Concorrer com outra cidade é apenas um estímulo a mais, mas desde já convidamos nossos moradores a irem se preparando, separando esses minutinhos na agenda no dia 31”, comentou o prefeito Luiz Dalben.
A meta da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer de Sumaré é superar a marca atingida em 2016, quando 49 mil pessoas participaram do Dia do Desafio (20,55% da população sumareense). A pasta vem trabalhando para organizar uma série de atividades que movimentem estudantes e a população como um todo em praças públicas e prédios municipais. A iniciativa privada também está convidada a participar. “Vamos envolver todas as regiões de Sumaré, chamar as academias, clubes, entidades e empresas, incentivando cada vez mais pessoas a realizar esportes e atividades físicas em prol da saúde e bem-estar”, comentou o secretário Paulo Sciascio Neto.
Em breve, a Prefeitura divulgará as atividades que serão promovidas no dia 31 de maio. O Dia do Desafio 2017 é organizado pelo Sesc (Serviço Social do Comércio) e conta com apoio da Prefeitura de Sumaré.
 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE