SM: Saúde orienta moradores a eliminar focos de dengue

 SM: Saúde orienta moradores a eliminar focos de dengue

Em tempos de isolamento social, em que a recomendação é permanecer em casa para evitar a disseminação do novo coronavírus, a Vigilância em Saúde da Prefeitura de Sumaré lembra outra atitude fundamental para prevenir a saúde da população: eliminar os possíveis focos do Aedes aegypti. Criadouros para o mosquito transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya podem estar nos quintais, dentro e ao redor das residências, por isso, tarefas simples no dia a dia podem prevenir toda a família dessas doenças.

Em Sumaré, a Lei nº 5757/2015 instituiu os ???10 Minutos Contra a Dengue???. A campanha propõe que a população reserve 10 minutos por semana para a limpeza de locais que possam servir de foco do mosquito. Dessa forma, é possível interferir no desenvolvimento do vetor, já que o ciclo de vida dele ??? do ovo ao mosquito adulto ??? leva de 7 a 10 dias.

Com uma ação semanal, é possível impedir que ovos, larvas e pupas do mosquito cheguem à fase adulta, freando a transmissão de doenças. Para isso, é necessário:
???    Manter a caixa d´água sempre fechada e com tampa adequada;
???    Remover folhas, galhos e tudo o que possa impedir a água de correr pelas calhas;
???    Não deixar a água da chuva acumulada sobre a laje;
???    Lavar semanalmente ??? com escova e sabão ??? tanques e recipientes utilizados para armazenar água, bem como encher de areia até a borda os pratinhos dos vasos de plantas;
???    Trocar a água e lavar os vasos, principalmente por dentro (com escova, água e sabão) pelo menos uma vez por semana;
???    Guardar garrafas sempre de boca para baixo;
???    Descartar corretamente o lixo, inclusive os pneus inservíveis;
???    Não jogar lixo em terrenos baldios.
???Embora toda a nossa atenção esteja voltada às medidas preventivas da Covid-19, não podemos deixar de lado esses cuidados, pois a dengue também mata. Em razão da pandemia, quando mais pessoas têm que ficar em casa, é muito importante que a população adote as medidas necessárias para evitar a proliferação do mosquito transmissor. Vamos juntos, contra o coronavírus e contra a dengue para uma Sumaré mais saudável!???, incentivou o prefeito Luiz Dalben.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Sumaré, no primeiro quadrimestre desse ano o município registrou 443 casos positivos de Dengue e nenhum óbito. No mesmo período do ano passado, 1.027 pessoas contraíram a doença e um óbito foi registrado no dia 10 de abril. Até o momento foram notificados 995 casos de dengue, sendo 552 negativos. Já no ano passado 2.145 notificações da doença foram registradas e, dessas, 1.118 foram descartadas.

As equipes de Controle da Dengue da Prefeitura realizaram nessa quinta-feira, dia 7, a aplicação de inseticida no Jardim das Palmeiras. Enquanto uma frente de trabalho atua na nebulização do bairro, outra faz visitas às casas do Jardim Puche. Os agentes de endemias verificam os quintais, aplicam larvicida (quando necessário) e retiram materiais inservíveis. As equipes também realizam panfletagem e orientam os moradores sobre os sintomas das arboviroses, além de informar medidas de controle do mosquito Aedes aegypti.

Relacionados

Leave a Reply