SM oferece 350 vagas em cursos gratuitos

Comprometida com o desenvolvimento profissional da sociedade e atenta às demandas do mercado local, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Sumaré, por meio da Superintendência do Trabalho e Emprego, em parceria com o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) e a Esatec Educacional, está oferecendo 350 vagas para os cursos técnicos em Eletrônica, Mecânica e Mecatrônica, com horários matutino, vespertino e noturno.
O superintendente do Trabalho e Emprego, Alfredo Albuquerque Mangueira, esteve reunido na última terça-feira, dia 5 de agosto, com os mantenedores da Esatec de Sumaré, Marcos Aleixo, Pedro Alcântara, e o diretor da Rede Educacional, Cícero Franco da Silva, para oficializar a ???parceria e o compromisso na realização deste programa de profissionalização???.
Segundo Franco da Silva, Sumaré foi escolhida para receber os cursos devido ao crescimento de seu polo industrial, além de ser uma parceria confiável. 
O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego tem como objetivo expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos técnicos e profissionais de nível médio, e cursos de formação inicial e continuada para trabalhadores. 
Os cursos têm previsão de início entre 18 de agosto a 15 de setembro. Os interessados devem procurar a central de atendimento do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) localizado no ????? Pra Já??? e também na secretaria da Esatec. Os cursos têm duração de 18 meses e, ao final, todos os participantes com aproveitamento recebem diploma credenciado no MEC (Ministério da Educação).
Os interessados deverão  apresentar no ato da inscrição os seguintes documentos (cópia e original): RG, CPF, Carteira de Reservista, Título de Eleitor, comprovante da última votação, certidão de nascimento ou de casamento, histórico escolar do Ensino Médio, certificado de conclusão de Ensino Médio e 1 foto 3×4.
Pessoas que concluíram ou estão cursando o Ensino Médio em escola pública, inclusive pessoas inseridas no programa EJA (Educação para Jovens e Adultos) devem apresentar cópia do histórico escolar ou declaração de matrícula. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE