Setor têxtil perde 72% de vagas em 24 anos

Dados obtidos pelo Sindicato dos Têxteis junto ao Ministério do Trabalho e emprego mostram a redução do Setor Têxtil no Brasil. De acordo com as informações disponíveis, que mostram a situação de 1989 a 2012, o número de empregos têxteis aumentou 10% no Brasil, mas caiu  41% no Estado de São Paulo, 30% no Polo Têxtil (Americana, Santa Bárbara, Nova Odessa e Sumaré) e 72% em Americana. Os dados do Ministério do Trabalho se referem a toda a cadeia têxtil, incluindo as confecções. Veja os números de postos de trabalho:Ano               Brasil                   Estado de São Paulo        Polo Têxtil             Americana1989             916.112               414.241                             40.297                   25.1322012         1.011.714                293.003                             30.785                   14.595Para o presidente do Sindicato dos Têxteis, Antonio Martins, os números comprovam o que a entidade diz desde 1989: ???Americana está perdendo indústrias têxteis dia a dia???. Com base nos dados estatísticos Martins observa que o Setor Têxtil empregava em 1989 17% da população de Americana (naquele ano 147.250 habitantes). Em 2012 empregava 7% da população (214.873 habitantes). ???E olha que nestes números ainda estão as confecções, que aumentaram, em comparação as tecelagens, fiações e outras empresas têxteis???.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE