Sete mortos nos protestos do Chile

Autoridades chilenas decretaram neste domingo (20) toque de recolher no Chile pelo segundo dia consecutivo. A medida passou a valer a partir das 19h e foi tomada por conta das violentas manifestações e saques que continuaram a acontecer na capital Santiago.
Ao menos sete pessoas morreram durante os protestos, segundo o ministro do Interior chileno, Andrés Chadwick. Duas mortes aconteceram durante a madrugada, após incêndio em um supermercado; outro incêndio, em uma fábrica na periferia da capital, deixou cinco mortos.
???Hoje tivemos mais de 70 atos de grave violência, entre eles, mais de 40 saques???, disse Chadwick em um pronunciamento.
O presidente Sebastián Piñera disse em um pronunciamento que segunda-feira será um dia difícil. ???Estamos em guerra contra um inimigo poderoso, que está disposto a usar a violência sem limites???. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE