Serasa prevê queda na inadimplência em 2013

Os brasileiros deverão ter mais facilidade para pagar as contas em dia, revertendo a curva de inadimplência para a média histórica depois de dois anos em alta.Essa projeção foi apresentada pelo economista da Serasa Experian, Luiz Rabi. Ele lembrou que, em outubro, a taxa de inadimplência do Banco Central apontava 7,9%, acima da média de 7,1%.O Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência do Consumidor, referente a outubro e divulgado hoje (14), mostra uma queda de 1%, alcançando o valor de 98,9, em uma taxa de equilíbrio fixada em 100. Pela metodologia usada nesse cálculo, levando em conta 325 variáveis na economia, sempre que a marca fica abaixo de 100, significa diminuição da inadimplência.Na análise do economista existem sinalizações de que, em 2013, o mercado interno será mais dinâmico e há tendência de melhora no cenário externo com um crescimento mais forte da economia na China; contenção da crise na Europa e uma situação mais favorável aos negócios nos Estados Unidos. Diante disso, Rabi afirmou que deverão ser mantidas as condições para reduzir o nível de inadimplência.Ele acredita que o país continuará a ter oferta de crédito com juros menores, o que ???facilita as renegociações de débitos???. Além disso, lembrou que a retomada do crescimento econômico permitirá que se mantenha em baixa a taxa de desemprego e que a renda média já começa o novo ano em alta porque, em 2012, a maioria dos trabalhadores conseguiu ganhos salariais acima da inflação.
Com informações Agência Brasil

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE