SB e a maldição do vice

A indicação do vice em uma chapa a cargo majoritário é muitas vezes vista como um momento de força do candidato, mas não tem sido o que se observa em Santa Bárbara d’Oeste.
Os dois últimos prefeitos da cidade tiveram que lidar com o abandono do barco dos vices. Como em 2012, o vice da vez deve ser candidato este ano para disputar com o ‘cabeça de chapa’.
Em 2012, Vanderlei Larguesa (PT) perdeu para o prefeito Mário Heins (então PDT), mas os dois ficaram de fora do poder.
Dessa vez, o vice Anízio Tavares (PRTB) deve ir pra disputa com o prefeito Dênis Andia (PV).
Andia tem vantagens claras no tipo de embate que se avizinha. 
1. Não chegou a ser afastado do poder como Mário
2. Tavares não tem um partido relevante nem levou consigo parte do governo
3. Andia começa a corrida liderando todas as pesquisas internas e o ‘fantasma’ Zé Maria está afastado do cenário.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE