SB: Becker e Ávila x Bonfim e Uruguaio

Durante a sessão desta terça feira, o plenário foi palco de um verdadeiro arranca-rabo entre quatro parlamentares. O bate boca foi iniciado com Giovanni Bonfim (PDT) mostrando fotos da atual situação do PS Edson Mano. Em defesa do prefeito, Alex Becker (PV) afirmou que Bonfim estava querendo apenas se aparecer pois já sabe que a reforma no pronto socorro vai acontecer. No embalo, Celso Ávila (PV), sem citar nomes, disse que “espertalhões e oportunistas de plantão, apresentam proposituras sabendo que a obra já está prevista”. Bonfim rebate às defesas dizendo que não quer reformas, quer apenas a manutenção cotidiana no local. Erb Uruguaio (PPS), por sua vez, elogiou e fez um pedido ao secretário da Saúde, Laerte Zuculo. “Secretário, arruma uma vaguinha pra internar o prefeitinho”. Bonfim critica a postura do prefeito em dizer que os problemas da cidade vem das administrações passadas. “Não adianta jogar a culpa em outros governos, o problema é agora”. “Falar do governo passado e contratar o mesmo secretário (Eduardo Rodella) é balela”. Para encerrar, Bonfim afirma que falta humildade na administração Denis Andia. “Falta humildade para reconhecer que esta Câmara também contribui para o governo. Falta humildade para compartilhar os benefícios com os vereadores”.Apesar do esforço, Celso Ávila não consegue se destacar como líder de governo. Não apresenta fortes argumentos para bater de frente com a oposição. Já Alex Backer foi motivo de chacota entre seus parceiros de plenário por hora criticar o governo Denis e hora defender com unhas e dentes o prefeito.Experiente no meio político e incansável crítico de Denis Andia, Erb Uruguaio apela para críticas pessoais ao prefeito dizendo que ele – e seus defensores na CM – não tem caráter. Entre falas e discursos, Uruguaio vem se referindo a Denis como “prefeitinho”.Giovanni Bonfim, sem se declarar oposição e diferente de Uruguaio, bate na administração verde com discursos pontuais. Quando questionado, apresenta argumentos e discute com fundamento.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE