SB: 120 pessoas participam do Dia D

Orientações sobre tabagismo, nutrição, alcoolismo, saúde bucal e doenças infectocontagiosas, além de fatores de risco para o câncer. Esses foram alguns dos temas abordados durante o Dia D do movimento Julho Verde, realizado no sábado (29), no Centro Médico de Especialidades. O evento, que teve a presença de aproximadamente 120 pessoas, contou com uma série de ações para a prevenção e diagnóstico do câncer de cabeça e pescoço.

A ação fez parte do “Sábado Saúde” – iniciativa realizada todo último sábado do mês pela Prefeitura. Foram realizados diversos atendimentos e orientações por meio do Programa Saúde sem Tabaco, Núcleo AD (Álcool e Drogas), AA (Alcoólicos Anônimos), Saúde Bucal, Setor de Nutrição, Rede Feminina de Combate ao Câncer, Ouvidoria SUS e AMDIC (Ambulatório Médico de Doenças Infecto Contagiosas). A cirurgiã geral Márcia Cristina de Alencastro, especialista em cirurgia de cabeça e pescoço, avaliou os pacientes com sintomas suspeitos e encaminhou para consulta e investigação mais aprofundada dos casos.
O Julho Verde foi realizado durante todo mês com o objetivo de promover atividades de sensibilização e informação para a prevenção e detecção precoce do câncer de cabeça e pescoço. O público-alvo da campanha foram pessoas a partir de 20 anos de idade que apresentaram os seguintes sintomas: lesões na cavidade oral ou nos lábios que não cicatrizam por mais de 15 dias; manchas/placas vermelhas ou esbranquiçadas na língua, gengivas, palato ou mucosa jugal; nódulos no pescoço e rouquidão persistente. Caso a pessoa apresente alguns dos sintomas descritos, deve procurar a unidade de saúde mais próxima da sua residência.
A iniciativa contou com apoio do AME (Ambulatório Médico de Especialidades).

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE