Santa Bárbara promete PSF para setembro

A Prefeitura de Santa Bárbara d???Oeste, por meio da Secretaria de Saúde, segue com os preparativos para o lançamento do PSF (Programa Saúde da Família) no município. O Programa será lançado oficialmente no dia 16 de setembro, em evento no Teatro Municipal Manoel Lyra, com a presença de representantes da Administração, autoridades locais, técnicos da pasta, além de articuladores do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde. Na ocasião será realizada uma Aula Magna sobre a Estratégia Saúde da Família.
 O PSF é uma estratégia de assistência da atenção básica à saúde, formada por equipes multiprofissionais nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Cada equipe de Saúde da Família é responsável por aproximadamente mil famílias, dentro de uma área delimitada geograficamente. Estas equipes atuam em ações de promoção de saúde, prevenção e reabilitação dos pacientes com doenças e agravos mais frequentes, além da manutenção da saúde desta comunidade. O prefeito Denis Andia enfatizou que a implantação do Programa de Saúde da Família em Santa Bárbara é mais uma conquista importante na área da Saúde. ????? algo que há muitos anos se falava, mas que em nenhum momento houve a iniciativa de sua efetivação. ?? importante porque cuida da atenção preliminar das famílias barbarenses e vai agregar qualidade em nosso atendimento???. Para o secretário de saúde, Dreison Luis Iatarola, esta será a mais importante ação já realizada na história da saúde na cidade. ???O trabalho das equipes de saúde é o ponto-chave de toda esta estratégia e permite a troca de conhecimentos e experiências entre os membros da equipe, que normalmente é composta por um médico generalista (capacitado para atender crianças, homens, mulheres, gestantes e idosos), uma enfermeira, dois técnicos de enfermagem, um dentista, um auxiliar de saúde bucal e seis agentes comunitários de saúde???, destacou. Um dos diferenciais do Programa, segundo Iatarola, serão os atendimentos domiciliares, onde os profissionais e pacientes terão a oportunidade de interagir e trocar experiências. ???Diferentemente da equipe tradicional, as equipes de saúde da família, além do atendimento na unidade básica, também desenvolvem atendimentos domiciliares a pacientes mais debilitados e atendimentos a grupos específicos, como adolescentes, gestantes, diabéticos, hipertensos entre outros, em que os pacientes e profissionais de saúde tem a oportunidade de aprenderem uns com os outros???, completou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE