Saúde dobra os investimentos no 1º quadrimestre

Por mais de três horas o secretário de Saúde de Nova Odessa, Vanderlei Cocato e responsáveis de cada área puderam responder os questionamentos dos vereadores a cada ponto explanado durante a Audiência Pública, realizada na tarde desta terça-feira, dia 29. A sessão aconteceu no plenário da Câmara e foi transmitida ao vivo pelo site do legislativo. Foram investidos em equipamentos, veículos, ampliação e reforma, o total de R$ 161.297,53. No quadrimestre passado havia sido investido R$ pouco mais de R$ 83 mil.

Cocato destacou que houve aumento nos investimentos, na ordem de quase 100%, porém, as despesas da Saúde ainda são muito grandes. ???Mesmo assim estamos conseguindo atender de acordo com a demanda, realizar exames, transportar pacientes e fornecer medicamentos???, disse.

A despesa total com a Saúde nos quatro primeiros meses deste ano foi de R$ 15.274.950,01, sendo mais de 1 milhão do que no último quadrimestre. ???Reduzimos despesas, ampliamos atendimentos, exames e tivemos mais investimento???, afirmou o secretário ressaltando que o repasse fundo a fundo, de convênios Federais, foi de apenas R$ 2.217.700,26.

Os trabalhos foram coordenados pelo vereador Sebastião Gomes dos Santos, o Tiãozinho do Klavin (PMDB), que é presidente da Comissão Permanente de Saúde e Promoção Social da Câmara. Também estavam presentes na audiência a vereadora e presidente Carla Lucena (PSDB); Avelino Xavier Alves, o Poneis (PSDB); Carol Moura (Podemos); Claudio José Schooder, o Leitinho (PSDB); e Antonio Alves Teixeira, o professor Antonio (PT).

O secretário de Saúde abordou vários tópicos relacionados aos atendimentos realizados por setor, por especialidade e também o Pronto Socorro, que concentra os maiores números bem como o número de consultas.

???No ambulatório, nestes primeiros quatro meses do ano atendemos 10.244 pacientes e foram mais de 28.400 exames realizados. Dois mil a mais do que no último quadrimestre???, pontuou Cocato.

As pequenas cirurgias, internações, partos, serviços de odontologia e realização de exames também tiveram seus números relatados. ???Brinco que inclusive sempre os partos de menina são maioria em Nova Odessa e, neste quadrimestre foi atípico, tivemos o nascimento de 72 meninos e 56 meninas???, brincou secretário.

Foram abordados dados também dos serviços de ambulância, farmácia e vigilância, bem como os atendimentos e realização de exames fora do município.

Além do secretário, fizeram parte da mesa o diretor técnico do HMNO, Dr. Eduardo Borges; a administradora hospitalar, Adriana Cristina Welsch Ferraz; o enfermeiro da Educação Permanente + Planejamento em Saúde, André Roberto Barros; a enfermeira coordenadora da Atenção de Saúde Básica, Ana Rúbia de Matos; a enfermeira encarregada do Pronto Socorro, Elmícia de Souza; a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Paula Mestriner; o diretor das Vigilâncias em Saúde, Natal Junqueira de Araújo; o encarregado da Vigilância Ambiental, Leôncio Neves Ferreira; o encarregado da Vigilância Sanitária, Jorge Pereira Fagundes; a encarregada da Zoonoses, Paula Faciulli; o coordenador da Central de Ambulâncias, Marcos Santos e a presidente do Conselho Municipal de Saúde, Maria de Fátima Dalmédico Godoy.

Alguns munícipes presentes puderam fazer seus questionamentos e tiveram as perguntas respondidas pelos responsáveis de cada área.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE