Romi vende imóveis ‘não estratétigos’

A Indústrias Romi colocou à venda três imóveis considerados ???não estratégicos??? pela companhia. O valor de mercado das propriedades é de R$ 75 milhões, mas seu valor contábil (aquele com que foram registrados no livro da companhia) é de apenas R$ 9 milhões. Segundo a empresa, não há nenhuma perspectiva imediata de venda dos imóveis. Um deles fica na cidade de São Paulo; outro, no município paulista de Santa Bárbara d???Oeste; o terceiro está na cidade italiana de Grugliasco. A fabricante de máquinas e equipamentos divulgou seu balanço de 2013 nesta semana. A empresa conseguiu reverter as perdas do ano retrasado. A receita líquida subiu 11%, para R$ 667,423 milhões. O ebtida (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) saiu de R$ 165 mil negativos, para um saldo positivo de R$ 66,3 milhões. Já o lucro líquido ficou em R$ 1,8 milhão, contra um prejuízo de R$ 37,3 milhões em 2012.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE