Roer unhas: mania que pode prejudicar sua saúde bucal

Roer as unhas é um hábito muito comum que afeta entre 20% e 30% da população mundial e está geralmente associada ao estresse e ansiedade. No entanto, o que muita gente não sabe é que o hábito pode influenciar também na saúde bucal. Abaixo, a Dra. Brunna Bastos, cirurgiã-dentista da GUM, marca americana de cuidado bucal, explica os principais problemas que o hábito de roer as unhas pode causar:

    Facilita a entrada de bactérias: muitos fungos e bactérias vivem embaixo das unhas, que quando em contato com a boca pode facilitar a entrada desses micro-organismos no corpo e contribuir para infecções.

    Prejudica os dentes: a pressão exercida nos dentes pode causar pequenas fraturas e inflamação na gengiva, além de prejudicar pacientes que estejam em tratamento ortodôntico, com possíveis perda de elementos dentais.

    Má oclusão: pesquisas indicam que há relação entre a má oclusão (quando há o desalinhamento dos dentes, no qual os superiores e inferiores se desencaixam) e o hábito de roer as unhas, gerando problemas e causando dor. ???Por isso, caso haja sinal de incômodos no maxilar é fundamental consultar um profissional para obter um diagnóstico preciso e tratamento correto???, esclarece.

    Lesões na gengiva: os pedaços de unha roída podem provocar feridas na gengiva, aumentando o risco de inflamações e contaminações por bactérias. ???Como roer unhas pode estar relacionado com problemas emocionais como ansiedade ou estresse, sendo uma forma de alívio dessas tensões emocionais, é importante que o paciente procure ajuda para a interrupção deste hábito prejudicial???, finaliza.

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE