Relógio agora mede oxigênio no sangue

Os smartphones chegam este ano e os usuários já têm à disposição mais dados detalhados sobre a saúde deles. Novos componentes com inúmeros sensores responsáveis por monitorar, especialmente, a pressão sanguínea e frequência cardíaca. No entanto, o hardware também consegue aferir o volume do sangue (PPG), além da atividade elétrica do coração (ECG) e a quantidade de oxigênio (SpO2). 
Uma característica relevante dos novos sensores é que não requerem um medidor externo para fornecer os dados, já que traz um conjunto de LEDs e infravermelho. 
A ideia é que o procedimento dure em torno de 60 segundos e, conforme sugerem imagens divulgadas pela empresa, o smartphone deverá acompanhar um sensor na parte traseira, bem como dois na lateral do dispositivo, os quais precisam ser pressionados ao mesmo tempo para que a medição seja feita. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE