Recurso de Edson Moura será julgado no TSE amanhã

Um pedido de vista apresentado na terça-feira passada pela ministra Luciana Lóssio durante sessão no Plenário do Tribunal Superior Eleitoral interrompeu o julgamento do recurso especial eleitoral, apresentado por Edson Moura Júnior, candidato a prefeito de Paulínia, que teve o pedido de registro negado pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) por supostamente desrespeitar o prazo para substituir candidato a cargo majoritário, em razão de renúncia deste, nas Eleições 2012.

O julgamento está marcado para ser retomado durante a sessão de amanhã (16).

Antes do pedido de vista, a relatora do recurso, ministra Nancy Andrighi, e o ministro Marco Aurélio, que a acompanhou, votaram pela concessão do registro de Edson Moura Júnior. A ministra Nancy Andrighi afirmou que a substituição dos candidatos ao cargo majoritário foi feita antes do pleito e dentro do prazo de dez dias assinalado no artigo 13 da Lei das Eleições.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE