Receita aponta fraude em ação da gestão anterior

O secretário de negócios jurídicos da Prefeitura de Americana, Alex Niuri, apresentou, nesta quinta-feira, documentos de cobrança do INSS relativos às dívidas da prefeitura com o órgão durante a gestão do ex-prefeito Diego De Nadai (PTB). O valor é de, aproximadamente, R$130 milhões. 

Segundo o processo administrativo da Receita Federal, um escritório de advocacia foi contratado para apresentar ao órgão um crédito que não existia para ser usado como compensação da dívida da prefeitura em contribuições previdenciárias. O processo caracterizou a prática como fraudulenta. A prefeitura pagou, na época, segundo comprovantes apresentador por Niuri, R$4 milhões para que o escritório criasse a situação e apresentasse à Receita. 
Alex afirmou que a prefeitura vai entrar com ação civil pública para que os envolvidos no processo sejam responsabilizados. Consta na investigação os nomes do ex-prefeito Diego, do ex-secretário de negócios jurídicos Cristiano de Carvalho e o ex-secretário de fazenda, José Patrocínio.   

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE