Rafa Macris fala em ‘indústria da multa’ em Americana

Após ser procurado por diversos moradores e constatar o alto número de multas aplicadas no ano passado pelos radares e agentes de trânsito, o vereador Rafael Macris (PSDB) protocolou na Câmara Municipal um requerimento cobrando um posicionamento da Prefeitura em relação a uma possível “Indústria da Multa” em Americana e falta de sinalização obrigatória nos radares.
Segundo o balanço divulgado no Portal da Transparência da Prefeitura de Americana, foram aplicadas 92.187 infrações em 2019, sendo 55.824 oriundas de radar eletrônico por excesso de velocidade e 30.721 emitidas por agentes de trânsito . “?? um absurdo, são mais de 250 multas diárias aplicadas em Americana. E esse aumento aconteceu consideravelmente depois da operação do sistema de estacionamento rotativo (Área Azul)”, explicou o parlamentar.
Sobre o radares fixos, Rafael ressalta a necessidade de estudos para a instalação dos mesmos e a sinalização correta. “O artigo 6º do CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito) descreve que somente vias com placas de sinalização de velocidade podem conter radares fixos. Essas placas possuem papel significativo na segurança e na informação dada aos condutores, devendo ser localizadas a uma distância específica do radar. Se a velocidade permitida em via urbana, por exemplo, for menor que 80 km/h, a placa deverá estar posicionada de 100 a 300 metros antes do radar”.
O vereador cobra da Prefeitura de Americana posicionamento em 13 questionamentos realizados através do requerimento, entre eles, se o município cumpre todas as exigências necessárias para a instalação de radares, qual o valor arrecadado com as multas e se está sendo aplicado corretamente.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE