Protesto: Reitoria da Unicamp continua ocupada

Um grupo de 400 estudantes continua na reitoria da Unicamp, invadida na noite de ontem. Os funcionários foram impedidos de entrar para trabalhar na manhã desta sexta-feira, 4. O protesto é contra a presença de policiais militares no campus, medida tomada após a morte de um estudante durante uma festa nas dependências da universidade.

De acordo com um auxiliar administrativo – autorizado pelo grupo para adentrar na reitoria para pegar um remédio de uso contínuo -, computadores e paredes foram pichados e janelas quebradas.

Foto: Shana Maria Pereira/ Correio Popular

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE