Programa Saúde na Escola atua no combate à dengue

O combate à dengue é frente de diversas ações da Prefeitura. E na escola, a prevenção é assunto que estimula os alunos a atuarem como agentes contra o mosquito Aedes aegypti. As ações integram um dos eixos do Programa Saúde na Escola (PSE) trabalhados durante todo o ano letivo. O objetivo é promover a saúde por meio da prevenção e transformação de hábitos.

Nesta semana, alunos da Emefei “Profª Purificacion S. Fonseca” – Dona Pura, do Jardim Monte Líbano, receberam orientações sobre as principais espécies de animais envolvidas na transmissão de doenças em ambiente urbano, como dengue, zika, chikungunya, febre amarela, febre maculosa, raiva, leptospirose, além das principais espécies de animais peçonhentos, como escorpiões, aranhas e serpentes. E também as condições de proliferação deles, como oferta de abrigo, alimento e água, favorecidas pelo descarte e armazenamento inadequado de resíduos. Durante o encontro, os alunos conferiram a exposição de animais sinantrópicos do Laboratório Entomológico da Divisão de Controle de Vetores.
De 13 a 17 de maio, diversas ações serão destacadas em alusão ao “Dia Municipal do Programa Saúde na Escola”. A data foi instituída pela Lei Municipal nº 3.933, de 2017, em comemoração aos resultados exitosos do PSE.

Implantado em Santa Bárbara em 2013, o PSE atua com 12 eixos em 53 escolas municipais, envolvendo mais de 15 mil alunos, entre crianças, jovens e adultos. Em 2018 foram realizados 71 mil atendimentos. Dentre os eixos estão a saúde vacinal, saúde bucal, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, promoção de práticas corporais e cultura de paz. Neste ano o PSE foi ampliado com o projeto “Conhecendo a Unidade Básica do meu território”.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE