Prof. Antonio ‘vai pra cima’ do Pague Menos

A Câmara de Nova Odessa promoveu no início da semana, a pedido do vereador professor Antonio (PT), um debate sobre o transtorno causado pelo movimento dos caminhões no entorno do supermercado Pague Menos. 
Os moradores reclamam da quantidade de caminhões que diariamente frequentam o CD (Centro de Distribuição) da rede, em uma área instalada atrás do supermercado.

Além dos vereadores, participaram do debate Altamiro Danelo, representante dos moradores da região; e pelos supermercados Pague Menos, o gerente regional ??rico Bolis e a assessora de imprensa, Alessandra Santos. 
????? difícil você ter sua casa em uma rua, que antigamente era sem saída, e que depois da instalação do CD ganhou portões e os caminhões, cerca de 80 por dia, estacionam em frente a nossa casa, manobram, fazem barulho. Nossos imóveis estão sendo desvalorizados e nós estamos cada vez mais estressados com tudo isso???, reclamou o senhor Altamiro. 
De acordo com o gerente regional, ??rico Bolis, o supermercado já fez diversas ações para sanar o problema. ???O crescimento acaba trazendo alguns contrapontos. Fizemos melhorias como banheiros, refeitórios, para que os motoristas fiquem dentro do CD, além de várias mudanças de processos para receber os caminhões, tudo isso para poder dar um alívio para a população. Claro que também cabe o bom senso dos motoristas. Nós sabemos da responsabilidade e estamos fazendo a nossa parte???, ressaltou Bolis. 
Segundo o gerente regional, que contou em primeira mão, a empresa já adquiriu uma área maior, em Santa Bárbara d???Oeste, para onde o CD será transferido no primeiro semestre de 2018. Os detalhes serão anunciados pela empresa nos próximos dias.

Para os vereadores, que ficaram surpresos com a notícia, a situação merece ainda mais atenção, já que a área pertencente ao CD poderá futuramente ser alugada para outras empresas, o que não impede o fim do transtorno que é o motivo da reclamação dos moradores.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE