Prefeitura ‘esclarece’ 5 milhões para saúde

Considerando os diversos comentários veiculados nas redes sociais sobre R$ 5 mi recebidos pela Prefeitura, e que foram destinados à compra de equipamentos ao Hospital Municipal ???Dr. Waldemar Tebaldi???, a Secretaria Municipal de Saúde vem a público esclarecer o que segue:
O dinheiro entrou na conta da Prefeitura no dia 27 de dezembro de 2018, ao montante de R$ 4.994.202,00, e está aplicado até que a licitação seja concluída. Vale destacar que durante esse período a Prefeitura obteve o rendimento de R$ 68.163,44 sobre a aplicação. O dinheiro, portanto, não foi (e nem será) utilizado para nenhuma outra finalidade a que se destina.
A licitação está em andamento e a Administração do Hospital Municipal precisou fazer levantamento de necessidades, uma estimativa de mercado para todos os itens a serem adquiridos, a elaboração de um descritivo técnico, bem como o planilhamento. Dentre os equipamentos estão, aparelhos de raio-x e anestesia, camas hospitalares, computadores e impressoras, poltronas reclináveis, suportes de soro, entre outros, totalizando 1.345 itens ao valor global de R$ 4.999.702,00.
O processo agora segue os trâmites legais. O tempo decorrido, nesse caso, independe da Prefeitura ou da Secretaria de Saúde, pois a licitação tem prazos legais a serem seguidos.
Quanto aos comentários, de que o dinheiro teria sido ???desviado??? e outros de semelhante teor ofensivo, não passam de acusações infundadas. Assim como o velho discurso de que houve desvio de R$ 8 milhões na Saúde, acusação já arquivada pelo Ministério Público, depois que ficou comprovado que não houve irregularidade. Essas falsas acusações são passíveis de responsabilização civil e criminal.
O cidadão americanense saberá fazer seu julgamento, quando o Hospital Municipal começar a utilizar tais equipamentos, uma vez que a própria população é quem fará uso deles.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE