Pref. vai multar casas com criadouros de dengue

Os proprietários dos imóveis de Hortolândia, onde sejam encontrados criadores do mosquito Aedes Aegypti, transmissores da dengue, serão multados pela prefeitura, caso não tomem providências. De acordo com o Código Sanitário Estadual, a multa média é de 25 UFSP (Unidade Fiscal do Estado de São Paulo), o que equivale a cerca de R$ 500. No entanto, o valor pode ser superior, dependendo do volume de criadouros encontrados.
Primeiro as casas e comércios são fiscalizados. Caso sejam encontrados criadores, agentes orientam sobre a necessidade de remover objetos que acumulem água e sobre os sintomas da doença. Então, é dado um prazo até que o responsável organize o local e elimine os criadouros. Se o prazo não for cumprido, há notificação e multa. 
Durante o arrastão realizado no último final de semana no Jardim Amanda, cerca de 10% dos imóveis vistoriados apresentavam algum criadouro. 
Denúncias devem ser feitas ao departamento de Saúde Coletiva, ???que enviará agentes até o local para as providências necessárias???, explicou a diretora do departamento municipal, Cilene Aparecida de Oliveira Mantuan. Os telefones são (19) 3897-3312 e 3965-1400 (ramal 8630). Hoje, a cidade tem 214 casos da doença. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE