Polyenka fecha fábrica e vai demitir 330

A Polyenka Ltda., empresa especializada em filamentos contínuos, instalada em Americana, vai encerrar suas atividades.  Representantes da empresa estiveram reunidos agora à tarde com a Diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis, anunciando a decisão. Dos 330 trabalhadores, pelo menos 300 serão demitidos a partir de amanhã (dia 14). Os demais permanecem por algum tempo finalizando os processos industriais e administrativos. A Polyenka informou que no próximo dia 5 de fevereiro efetuará o pagamento da segunda parcela do 13º salário, que está em atraso, e dos dias trabalhados antes da demissão. Quanto as verbas rescisórias os representantes da Polyenka informaram que não há recurso financeiro para o pagamento no ato da homologação. A empresa pretende  vender o estoque disponível e, assim, pagar parceladamente os demitidos.
Segundo a Polyenka, três fatores contribuíram decisivamente para o fim das atividades: baixo faturamento agravado a partir de setembro, falta de capital para investimentos  e gastos com energia elétrica. Informaram que necessitariam de uma carteira de faturamento de 400 toneladas de fios para janeiro, mas viraram o ano com apenas 30 toneladas e sem capital para suportar o restabelecimento das vendas. O presidente do Sindicato Têxtil, Antonio Martins, disse que a notícia não chegou a ser uma surpresa. ????? lamentável  que uma empresa como a Polyenka chegue a este ponto. Mas durante todo o ano passado já observávamos que as dificuldades aumentavam mês à mês, com atraso no depósito do FGTS, dificuldades para pagar energia, falta de pagamento do 13º integral e descumprimento no pagamento de acordo com trabalhadores demitidos. Em novembro propuseram reduzir salários e horas trabalhadas. Os funcionários concordaram mas a empresa não colocou a decisão em prática. Entendemos que a situação era grave???, comentou.Como a Polyenka encontra-se em recuperação judicial desde 2007 o Sindicato Têxtil estuda junto com o Departamento Jurídico alternativas para garantir o pagamento das verbas rescisórias através de ação na justiça. ???O Sindicato vai dar todo o respaldo possível para que o trabalhador não seja ainda mais prejudicado???, finalizou o presidente.A Polyenka foi fundada em 1968 em São Bernardo do Campo. Transferiu-se para Americana em 1972, ocupando área de 370 mil metros quadrados e com 59 mil metros quadrados de área construída, às margens da Via Anhanguera.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE