Políticos vêem solução nas câmeras de segurança

Os políticos que devem pensar a segurança pública em Americana decidiram que a saída é integrar as câmeras de vigilância e contar com a boa vontade de donos das câmeras da cidade (particulares, condomínios e empresas).
O diretor geral da Gama (Guarda Municipal), Marcos Guilherme, está cadastrando as câmeras externas de circuito de segurança particulares, para agregarem o setor de inteligência da corporação. Este é o programa denominado “Câmera Cidadã”, que ajuda na redução do índice de crimes, sendo já utilizado em outros municípios, como exemplo de Indaiatuba.
ONDAS- O presidente da Câmara Municipal de Americana, vereador Alfredo Ondas (PMDB), protocolou na secretaria da Casa um projeto de Lei em que propõe a criação do projeto ???Câmera Cidadã??? de videomonitoramento de imagens e do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) em Americana. De acordo com a propositura, o projeto consiste em um sistema de vigilância permanente do espaço público por intermédio de câmeras de vídeo e coordenação das comunicações da unidade municipal de segurança, com o objetivo de acompanhar a movimentação de pessoas, prevenir o crime e a violência, aperfeiçoar o controle de tráfego e ampliar a vigilância ambiental e patrimonial. Segundo Dr. Ondas, o projeto de lei também estabelece critérios que visam garantir a política de privacidade das informações. ???Todas as imagens recolhidas, armazenadas e/ou processadas por meio de videomonitoramento de vias públicas são consideradas informações sensíveis, ou seja, informações que direta ou indiretamente permitem inferir sobre pessoas, bens particulares, condutas, hábitos e rotinas???, pondera.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE