Políticos tentam se afastar da imagem de Diego

Diego inaugura PAI em 2013 (arquivo)
Sem necessidade de falar abertamente, a imensa maioria dos políticos e comissionados que estiveram juntos com o ex-prefeito Diego De Nadai (PTB) até o terceiro semestre do ano passado tem buscado se afastar da imagem do ex-tucano. O abandono foi muito forte nas eleições ‘fora de época’ de 2014, quando quase todos os vereadores foram apoiar a campanha do algoz e maior adversário de 2012 Omar Najar (PMDB).
O movimento de queda de DDN começou com a cassação do mandato no TSE em fins de maio de 2014. O governo seguiu até o começo de julho do mesmo ano, quando a Justiça determinou a entrada do então presidente da Câmara Paulo Chocolate (PSC). Menos de um mês depois, Diego voltou ao comando da prefeitura, mas os apoiadores já não eram mais tantos quanto no empolgado início de segundo mandato.
PTB E ELEI????O- Correligionários atuais dizem que o PTB conta hoje com mais de 500 filiados e simpatizantes, mas ex-assessores questionam a qualidade e envergadura política do novo time do ex-prefeito. A eleição do ano que vem vai ser o principal divisor de águas para o legado político de Diego (este ainda defendido por vereadores).

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE