Patrícia Poeta ganha ação contra remédio

Patrícia Poeta ganhou na Justiça um processo contra a empresa Nutreo, responsável por um produto suplementar vendido como emagrecedor. A marca teria feito campanhas publicitárias afirmando que a apresentadora era usuária do produto, o que foi negado por Patrícia nas redes sociais. 
“Não tomei cactinea e nenhum desses produtos ditos ???milagrosos???. Sequer conheço e fico preocupada ao saber que muitos de vocês compram esses medicamentos acreditando que os tomei de fato. Como cidadã e pessoa pública, é meu dever entrar na justiça contra esses criminosos e alertar o consumidor de boa-fé. Para emagrecer é preciso ter força de vontade mesmo. Fazer uma reeducação alimentar orientada por um bom profissional e exercícios físicos!”, escreveu a apresentadora. 
Segundo o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, da 48ª Vara Cível da Capital, condenou a empresa a pagar uma indenização de R$ 30 mil à apresentadora tanto pela propaganda enganosa como pelo uso indevido de sua imagem. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE