Parceria aplicativo e restaurantes saudáveis e de dieta específica

Se você ainda dá a desculpa de que é muito difícil conseguir seguir uma dieta vegetariana ou vegana, saiba que este pretexto está com os dias contados. Ao verificar uma demanda reprimida de anos a fio, o aplicativo de delivery de alimentos PedidosJá resolveu oferecer entre seus mais de 14 mil restaurantes conveniados, algumas opções que atendam a este tipo de consumidor.


Google Play 
Pessoas que possuem algum tipo de restrição alimentar realmente têm um pouco mais de trabalho para conseguir se alimentar com o que é oferecido em restaurantes comuns. Intolerantes ao glúten, lactose, veganos e vegetarianos agora podem comemorar, pois ofertas que poderão agradar estão disponíveis no delivery, que começou no Uruguai e agora funciona em vários países da America Latina.Até mesmo grandes cadeias de lanchonetes, como o McDonalds já possuem um cardápio para consumidores que seguem dieta alimentar, esta é uma tendência irreversível no mercado. Sopas, sanduíches naturais, saladas e sucos já podem ser pedidos em determinados horários do dia, alguns até mesmo utilizando o delivery do aplicativo.
Instagram
Além deste cardápio saudável tradicional, pode-se optar por alimentos 100% livres de proteína animal ??? os veganos fazem questão absoluta ??? ou suas variações como o ovolactovegetarianismo, o lactovegetarianismo e o mais comum, o vegetarianismo mais simples. 
Bons restaurantes oferecem pratos muito gostosos e diversos, com cogumelos, legumes, verduras, raízes e proteínas vegetais que surpreendem quem nunca se interessou por este tipo de gastronomia. Os temperos utilizados pelos grandes chefs especializados em comida vegetariana deixam o consumidor sem sentir falta alguma de qualquer tipo de carne.
O índice de vegetarianos no Brasil, atualmente, gira em torno de 8% da população, um número bastante expressivo para ser ignorado por qualquer empresa séria do setor. Muito mais do que o fator saúde, existe a vontade de respeitar os animais e o meio ambiente. E pesquisas afirmam que este número tende a crescer ainda mais nos próximos anos.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE