Palmeiras tem 68% de chances de vencer o Paulista, diz site

A emoção do futebol desafia até mesmo as mais sofisticadas estatísticas esportivas. O clássico entre Palmeiras e Corinthians, na disputa pelo título do Paulistão 2020, não estava nas expectativas dos analistas esportivos antes da pandemia de COVID-19. O Palmeiras já vinha em uma boa campanha desde o início do campeonato. No Corinthians, quase ninguém acreditava. E o empate na Arena Corinthians no jogo de ida aumentou ainda mais as expectativas dos torcedores.

O favorito na final, que acontece amanhã (8), é o Verdão. Segundo os especialistas da Betfair.net é o favorito à taça, com 68% de chances. Já o Corinthians, cujo desempenho surpreendeu nos últimos jogos, tem 32% de probabilidade de vencer o campeonato – seria o inédito tetracampeonato consecutivo, já que o Timão conquistou o título em 2017, 2018 e 2019.

O Palmeiras teve a melhor campanha geral, melhor ataque e melhor defesa do Paulistão, somadas todas as fases. Na final, o time está desfalcado, pois seu capitão Felipe Melo está lesionado.

Em má fase antes da paralisação do campeonato, o time comandado por Tiago Nunes conseguiu surpreender a todos na retomada da competição – naquele momento, as probabilidades da equipe chegar ao título eram estimadas em 1%. Mudanças no elenco, como a aposta em Éderson e a chegada do atacante Jô, que voltou ao Corinthians após algumas temporadas com a camisa do japonês Nagoya Grampus, também deram gás à equipe e a ajudaram a reconquistar o apoio da torcida.

Rivaldo jogou pelos dois clubes, mas torce pelo Palmeiras

Embaixador da Betfair.net, o ex-jogador acredita que mesmo com o primeiro empate, o Palmeiras parte na frente na grande final. “Porém, não podemos descartar o Corinthians que tem dominado essa competição nos últimos anos.”

“Nesta temporada, eles pareciam longe da classificação, mas resultados paralelos – com a improvável ajuda do São Paulo – permitiu que se classificassem para a fase seguinte, em que conseguiram melhorar seu rendimento e a garantir vaga na final. O Palmeiras parece um pouco melhor, mas o Timão costuma se agarrar forte em jogos desse gênero, portanto, não podemos dar nada por garantido nessa final.”

Rivaldo falou também à Betfair.net sobre sua passagem pelos dois clubes rivais, ainda na década de 1990: “Eu tenho história nos dois clubes e sou muito grato ao Corinthians por me ter descoberto no Mogi Mirim quando eu era ainda um menino, porém só joguei lá por um ano, enquanto no Palmeiras fiquei por dois anos e tive a possibilidade de ser campeão.”

“As pessoas costumam dizer que eu sou um pouco mais Palmeiras do que Corinthians e eu tenho de concordar com isso. Mas claro, também tenho boas memórias do Timão e não tenho nada contra o clube, é importante que isso também fique claro.”

“Torço um pouco mais para o Palmeiras nessa final, mas se o Corinthians jogar um bom futebol e merecer vencer estará de parabéns”, finalizou Rivaldo.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE