Obama agora vai pedir voto pra Hillary

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, descreveu um quadro otimista para o futuro norte-americano e ofereceu apoio total à campanha de Hillary Clinton para derrotar o adversário republicano Donald Trump, em um discurso que empolgou o público na convenção do Partido Democrata.
Obama pediu aos democratas que permita a Hillary terminar o trabalho que ele iniciou com sua própria eleição há quase oito anos, em um discurso que coroou a noite em que membros do partido usaram o palco para contrastar Hillary e Trump, visto pelos democrata como uma ameaça aos valores dos EUA.
“Nunca houve um homem ou mulher, nem eu, nem Bill — ninguém mais qualificado do que Hillary Clinton para servir como presidente dos Estados Unidos”, disse Obama em meio a aplausos na noite de quarta-feira na convenção realizada na Filadélfia.
Hillary Clinton, esposa do ex-presidente Bill Clinton, irá aceitar formalmente a nomeação do partido em discurso no final da convenção, na noite desta quinta-feira. A eleição presidencial acontece em 8 de novembro.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE